A origem das desentupidoras remota aos anos 20. Samuel Oscar Blanc, vendedor americano de cabos para velocímetros, conhecido por desobstruir encanamento das casas dos amigos e vizinhos deu o primeiro passo no ramo. Blanc criou a empresa ROTO-ROOTER durante a Grande Depressão americana e o empreendimento até hoje é símbolo de desentupidora em terras americanas, no Canadá, Europa, Ásia e no Brasil. Em nosso país, a origem desses estabelecimentos é incerta. Há quem aponte a empresa de Samuel Oscar Blanc no Rio de Janeiro em 1952 como a primeira, outros indicam que o mercado de desentupidoras começou anos 60.

Hidrojateamento

É o método mais utilizado pelas desentupidoras. O hidrojateamento é conhecido por sua praticidade. Ele desentope tubulações de PVC, cobre, aço inox, manilha e até mesmo os encanamentos mais complexos e profundos sem quebrar paredes e pisos.

Conhecendo melhor

O hidrojateamento é aplicado com um kit. O conjunto é formado por uma bomba de alta pressão e sucção, motor e tanque reservatório de água limpa, armado em um chassi de caminhão ou plataforma móvel. Esses itens encaminham a água para mangueiras que liberam até 300 litros d´água/minuto. As mangueiras possuem bicos nas pontas que aumentam a velocidade de saída da água. O jato remove a sujeira sem produtos químicos, entretanto, em alguns casos pode ser necessário o emprego de partículas sólidas ou aditivos. As bombas colocam a sujeira no caminhão. Os detritos são encaminhados para locais autorizados pelos órgãos fiscalizadores.

Onde pode ser usado?

O hidrojateamento também desentope fossas, por intermédio de um anel líquido acoplado às bombas. Um caminhão compacto conjugado faz a higienização de redes aéreas e subterrâneas, coletoras de esgotos, colunas coletoras verticais e horizontais e colunas de água servida, potável e pluvial. A técnica ainda é muito usada na pintura e limpeza de fachadas, trazendo mais economia na limpeza.

Detalhes técnicos

A norma SSPC-SP 12/NACE N° 514 traz as seguintes classificações sobre o método:

  • Hidrojateamento de alta pressão: a pressão varia de 70 MPa a 210 MPa. A sigla significa Mega Pascal, onde a unidade de grandeza Mega representa a potência 106 (valor representado por cem mil). Nas pressões abaixo de 70 MPa, o hidrojateamento é considerado um método de limpeza.

 

  • Hidrojateamento a hiper alta pressão: aqui, a pressão é superior a 210 MPa;

 

Como instrumento de pintura e reparação de fachadas, a norma SSPC-SP 12/NACE N° 514 estabelece que:

 

  • Hidrojateamento Severo WJ-1: O processo “water jetting” elimina corrosão das superfícies;

 

  • Hidrojateamento Muito Elevado WJ-2: remove resíduos de superfícies com 95% de aspecto metálico fosco, o restante pode ter manchas suaves e oxidação;

 

  • Hidrojateamento Elevado WJ-3: a superfície deve ter no mínimo 2/3 de resíduos visíveis (menos carepa de laminação), o restante pode apenas ter manchas suaves aleatórias originadas por corrosão ou material estranho;

 

  • Hidrojateamento Brando WJ-4: retira apenas resíduos (revestimentos, produtos de corrosão e carepa de laminação ) não aderentes ou soltos.
Equipamentos necessários

Sistemas hidráulicos de diafragma de borracha levam a água a uma câmara. Esta se liga as mangueiras ou tubos rígidos com bicos nas extremidades. Para a segurança do procedimento, a bomba precisa ter uma ou mais etiquetas com as informações abaixo:

  • Fabricante, modelo, número de série, ano de fabricação;
  • Valores máximos de vazão e pressão;
  • Detalhamento dos procedimentos de segurança

Confira o detalhamento dos equipamentos do hidrojateamento:

Dispositivos automáticos de alívio de pressão

  1. a) Válvula de alívio de pressão ou disco de rompimento;
  2. b) Válvula automática de regulagem de processo (válvula de descarga);
  3. c) Válvula de desvio.

 

Válvula de alívio de pressão ou disco de rompimento

Geralmente instalada na câmara de descarga da bomba, no intuito de evitar excesso de pressão.

 

Válvula automática de regulagem de pressão (válvula de descarga):

O componente restringe a pressão da bomba. A válvula pode liberar uma vazão pré-estabelecida para a câmara de sucção ou eliminá-la.

Válvula de desvio

Ajusta o fluxo e a pressão da corrente do jato lançado pelos bicos. A válvula de desvio também desvia possíveis excessos para outros locais.

Conservação dos equipamentos

As desentupidoras precisam realizar manutenções constantes nos equipamentos. Veja alguns cuidados que elas devem ter para garantir a segurança do procedimento:

Bombas

  1. Unidade de acionamento, água, óleo lubrificante, fluído hidráulico e nível de combustível;
  2. Unidade de bombeio, nível de óleo das engrenagens e óleo lubrificante;
  3. Carretel hidráulico, nível dos fluídos e óleo lubrificante.

 

Mangueiras montadas

  1. Diâmetro, pressão de trabalho e comprimento;
  2. Verificar se a capa externa está descascada ou arames rompidos;
  3. Analisar os estados dos terminais e o nível de compatibilidade da pressão exercida pela bomba.

Pistolas e lanças

Mecanismo de gatilho, conexões e proteções precisam de inspeção diária. Em casos de vazamentos, a bomba é desligada e as conexões são trocadas ou consertadas antes do trabalho começar.

Equipamentos de segurança individual

Os funcionários não podem trabalhar sem eles. Desentupidoras sérias investem nos equipamento de segurança abaixo:

  • Proteção corporal, incluindo braços. Em alguns casos, será preciso usar roupas à prova de líquidos e produtos químicos para evitar ferimentos;
  • Protetor auricular, pois, os hidrojatos produzem ruídos acima de 90 dB (decibéis);
  • Protetor respiratório para ninguém aspirar impurezas;
  • Botas com biqueira de aço à prova d’água. Quem opera a pistola deve usar proteção para os pés com metal;
  • Proteção visual com tamanho adequado a cada funcionário.
  • Escudo facial completo. Em alguns trabalhos pode ser necessária a utilização de viseiras e óculos panorâmicos;

Códigos e jargões

Os técnicos utilizam códigos e uma linguagem específica entre si para dar fluidez ao trabalho. Saiba quais são eles:

  • Polegar para cima, movimentar o braço para cima e para baixo na altura dos ombros = pressurização do sistema;
  • Indicador para cima, mão fechada e movimentos circulares com a mão= aumentar a pressão;
  • Indicador para baixo e movimentos circulares com a mão = diminuir a pressão;
  • Mão fechada, movimentar o braço para trás e para frente na altura dos ombros = despressurizar o sistema.

 

Confira nossos conteúdos sobre hidrojateamento. Aproveite para conhecer nossas dicas para evitar esse terrível problema. Caso suas pias, vasos sanitários banheiros estejam entupidos, fale conosco, além do hidrojato, somos especialistas em vários métodos de desentupimento. O hidrojateamento é altamente eficaz e

garantimos seu sucesso através de manutenção constante dos nossos equipamentos e o investimento em  segurança dos trabalhadores. Em casos de entupimentos em sua residência, comércio e indústria, consulte nossos profissionais imediatamente.